Atividade antimicrobiana

De Aprendendo Catalogação
Ir para navegação Ir para pesquisar



Campo Ind1 Ind2 Dados
Líder 03574nam a2200301 a 4500
001 - Número de controle 000320
003 - Identificador do número de controle MSP
005 - Data e hora da última transação 20190527185740.0
008 - Elementos de dados de tamanho fixo - Informações gerais 190525s2018    bl a          000 0 por d










040 - Fonte da catalogação $aBR MSP
041 - Código de idioma 0 $apor
082 - Número na Classificação Decimal de Dewey (CDD) 0 4 $a620.5
$223
100 - Ponto de acesso principal - Nome pessoal 1 $aBrito, Sabrina da Costa
245 - Indicação de título 1 0 $aAtividade antimicrobiana em filmes poliméricos com diferentes concentrações de nanopartículas de prata /
$cSabrina da Costa Brito
260 - Publicação, distribuição, etc. (Imprenta) $aAraraquara, SP ,
$c2018
300 - Descrição física $a94 f. :
$bil.
502 - Nota de dissertação $aDissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista "Julio Mesquita Filho", Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Araraquara, 2018
650 - Ponto de acesso secundário de assunto - Termo tópico 0 4 $aNanotecnologia
650 - Ponto de acesso secundário de assunto - Termo tópico 0 4 $aNanopartículas de prata
650 - Ponto de acesso secundário de assunto - Termo tópico 0 4 $aAntimicrobianas
650 - Ponto de acesso secundário de assunto - Termo tópico 0 4 $aEmbalagens ativas
700 - Ponto de acesso secundário - Nome pessoal 1 $aFerreira, Marcos David
$e(Orient.)
700 - Ponto de acesso secundário - Nome pessoal 1 $aSivieri, Kátia
$e(Co-orient.)
500 - Nota geral $aOrientador: Ferreira, Marcos David
500 - Nota geral $aCo-orientadora: Sivieri, Kátia
520 - Resumo, etc. 3 $aEste estudo visou verificar a eficácia antimicrobiana de filmes de polietileno de baixa densidade (PEBD) aditivados com nanopartículas de prata (NPsAg) dispersas no carregador de sílica (SiO2), em diferentes concentrações de partes por milhão (ppm) por filme polimérico. Metodologia: Na pesquisa foram estudadas seis concentrações diferentes de NPsAg (ppm) (1,50; 3,75; 7,50; 15,00; 30,00; 60,00 e 75,00) nos filmes nanoestruturados, sendo estes caracterizados por: Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), Calorimetria Diferencial de Varredura (DSC), Termogravimetria (TGA), Espectroscopia no Infravermelho com Transformada de Foutier (FTIR) e por Difração de Raio X (DRX). A ação antimicrobiana foi pesquisada contra os seguintes microrganismos, Gram Positivos: Staphylococcus aureus, Enterococcus faecalis; Gram Negativos: Escherichia coli e Salmonella typhimurium e o fungo Penicillium expansumi; por meio das metodologias de atividade antimicrobiana por contato, teste por agitação de frascos e Imagens Bacterianas por Microscopia Eletrônica de Varredura. Resultados: A adição de NPsAg na matriz do PEBD não interferiu nas propriedades físico-químicas e térmicas dos filmes. Pelas análises microbiológicas foi observado, pela atividade antimicrobiana por contato, que os filmes nanoestruturados foram eficazes na inibição de todos os microrganismos estudados, sendo que apresentaram uma maior ação antimicrobiana sobre as bactérias Gram negativas e fungos do que as bactérias Gram positivas. Pelo teste de agitação em frascos foi verificado que os filmes nanoestruturados auxiliaram na redução da taxa de crescimento e na concentração máxima na fase estacionária com aumento da duração da fase lag, verificando-se que quanto maior a adição de NPsAg nos filmes, mais eficaz a inibição (p≤0,05). Na Microscopia Eletrônica de Varredura foi observado que as bactérias em contato com NPsAg apresentaram alteração na estrutura da parede microbiana. Conclusão: Os filmes nanoestruturados apresentaram ação antimicrobiana promissora com os microrganismos estudados, portanto, filmes com nanopartículas de prata possuem potencial de uso em embalagens alimentícias, auxiliando na redução de casos de doenças transmitidas por alimentos além de contribuir na redução do desperdício de alimentos.
710 - Ponto de acesso secundário - Entidade coletiva 2 $aUniversidade Estadual Paulista "Julio Mesquita Filho"
$bFaculdade de Ciências Farmacêuticas
$bPrograma de Pós Graduação em Alimentos e Nutrição
856 - Localização e acesso eletrônicos 4 0 $uhttps://repositorio.unesp.br/handle/11449/155002
$yTexto incompleto
Brito, Sabrina da Costa

        Atividade antimicrobiana em filmes poliméricos com diferentes concentrações de nanopartículas de prata / Sabrina da Costa Brito -- Araraquara, SP , 2018

        94 f. : il.

        Orientador: Ferreira, Marcos David
        Co-orientadora: Sivieri, Kátia
        Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista "Julio Mesquita Filho", Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Araraquara, 2018



        1. Nanotecnologia 2. Nanopartículas de prata 3. Antimicrobianas 4. Embalagens ativas I. Ferreira, Marcos David (Orient.) II. Sivieri, Kátia (Co-orient.) III. Universidade Estadual Paulista "Julio Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Farmacêuticas Programa de Pós Graduação em Alimentos e Nutrição IV. Título.
03465nam a2200192 a 4500001000700000003000400007005001700011008004100028040001100069041000800080082001400088100002800102245013700130260002700267300001700294500003900311500003600350502014200353520235800495650001902853650002902872650002002874650002202876700003802878700003402916710015302919856007103072␞000320␞MSP␞20190527185740.0␞190525s2018    bl a          000 0 por d␞  ␟aBR MSP␞0 ␟apor␞04␟a620.5␟223␞1 ␟aBrito, Sabrina da Costa␞10␟aAtividade antimicrobiana em filmes poliméricos com diferentes concentrações de nanopartículas de prata /␟cSabrina da Costa Brito␞  ␟aAraraquara, SP ,␟c2018␞  ␟a94 f. :␟bil.␞  ␟aOrientador: Ferreira, Marcos David␞  ␟aCo-orientadora: Sivieri, Kátia␞  ␟aDissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista "Julio Mesquita Filho", Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Araraquara, 2018␞3 ␟aEste estudo visou verificar a eficácia antimicrobiana de filmes de polietileno de baixa densidade (PEBD) aditivados com nanopartículas de prata (NPsAg) dispersas no carregador de sílica (SiO2), em diferentes concentrações de partes por milhão (ppm) por filme polimérico. Metodologia: Na pesquisa foram estudadas seis concentrações diferentes de NPsAg (ppm) (1,50; 3,75; 7,50; 15,00; 30,00; 60,00 e 75,00) nos filmes nanoestruturados, sendo estes caracterizados por: Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), Calorimetria Diferencial de Varredura (DSC), Termogravimetria (TGA), Espectroscopia no Infravermelho com Transformada de Foutier (FTIR) e por Difração de Raio X (DRX). A ação antimicrobiana foi pesquisada contra os seguintes microrganismos, Gram Positivos: Staphylococcus aureus, Enterococcus faecalis; Gram Negativos: Escherichia coli e Salmonella typhimurium e o fungo Penicillium expansumi; por meio das metodologias de atividade antimicrobiana por contato, teste por agitação de frascos e Imagens Bacterianas por Microscopia Eletrônica de Varredura. Resultados: A adição de NPsAg na matriz do PEBD não interferiu nas propriedades físico-químicas e térmicas dos filmes. Pelas análises microbiológicas foi observado, pela atividade antimicrobiana por contato, que os filmes nanoestruturados foram eficazes na inibição de todos os microrganismos estudados, sendo que apresentaram uma maior ação antimicrobiana sobre as bactérias Gram negativas e fungos do que as bactérias Gram positivas. Pelo teste de agitação em frascos foi verificado que os filmes nanoestruturados auxiliaram na redução da taxa de crescimento e na concentração máxima na fase estacionária com aumento da duração da fase lag, verificando-se que quanto maior a adição de NPsAg nos filmes, mais eficaz a inibição (p≤0,05). Na Microscopia Eletrônica de Varredura foi observado que as bactérias em contato com NPsAg apresentaram alteração na estrutura da parede microbiana. Conclusão: Os filmes nanoestruturados apresentaram ação antimicrobiana promissora com os microrganismos estudados, portanto, filmes com nanopartículas de prata possuem potencial de uso em embalagens alimentícias, auxiliando na redução de casos de doenças transmitidas por alimentos além de contribuir na redução do desperdício de alimentos.␞04␟aNanotecnologia␞04␟aNanopartículas de prata␞04␟aAntimicrobianas␞04␟aEmbalagens ativas␞1 ␟aFerreira, Marcos David␟e(Orient.)␞1 ␟aSivieri, Kátia␟e(Co-orient.)␞2 ␟aUniversidade Estadual Paulista "Julio Mesquita Filho"␟bFaculdade de Ciências Farmacêuticas␟bPrograma de Pós Graduação em Alimentos e Nutrição␞40␟uhttps://repositorio.unesp.br/handle/11449/155002␟yTexto incompleto␞␝
  • Componentes do registro:
    • Líder
    • Diretório
    • Campos de dados

Exportar registro (simulação)

<?xml version="1.0" encoding="UTF-8"?><record xmlns="http://www.loc.gov/MARC21/slim">

  <leader>03465nam a2200192 a 4500</leader>

  <controlfield tag="001">000320</controlfield>

  <controlfield tag="003">MSP</controlfield>

  <controlfield tag="005">20190527185740.0</controlfield>

  <controlfield tag="008">190525s2018    bl a          000 0 por d</controlfield>

  <datafield tag="040" ind1=" " ind2=" ">
    <subfield code="a">BR MSP</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="041" ind1="0" ind2=" ">
    <subfield code="a">por</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="082" ind1="0" ind2="4">
    <subfield code="a">620.5</subfield>
    <subfield code="2">23</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="100" ind1="1" ind2=" ">
    <subfield code="a">Brito, Sabrina da Costa</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="245" ind1="1" ind2="0">
    <subfield code="a">Atividade antimicrobiana em filmes poliméricos com diferentes concentrações de nanopartículas de prata /</subfield>
    <subfield code="c">Sabrina da Costa Brito</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="260" ind1=" " ind2=" ">
    <subfield code="a">Araraquara, SP ,</subfield>
    <subfield code="c">2018</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="300" ind1=" " ind2=" ">
    <subfield code="a">94 f. :</subfield>
    <subfield code="b">il.</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="500" ind1=" " ind2=" ">
    <subfield code="a">Orientador: Ferreira, Marcos David</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="500" ind1=" " ind2=" ">
    <subfield code="a">Co-orientadora: Sivieri, Kátia</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="502" ind1=" " ind2=" ">
    <subfield code="a">Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista &quot;Julio Mesquita Filho&quot;, Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Araraquara, 2018</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="520" ind1="3" ind2=" ">
    <subfield code="a">Este estudo visou verificar a eficácia antimicrobiana de filmes de polietileno de baixa densidade (PEBD) aditivados com nanopartículas de prata (NPsAg) dispersas no carregador de sílica (SiO2), em diferentes concentrações de partes por milhão (ppm) por filme polimérico. Metodologia: Na pesquisa foram estudadas seis concentrações diferentes de NPsAg (ppm) (1,50; 3,75; 7,50; 15,00; 30,00; 60,00 e 75,00) nos filmes nanoestruturados, sendo estes caracterizados por: Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), Calorimetria Diferencial de Varredura (DSC), Termogravimetria (TGA), Espectroscopia no Infravermelho com Transformada de Foutier (FTIR) e por Difração de Raio X (DRX). A ação antimicrobiana foi pesquisada contra os seguintes microrganismos, Gram Positivos: Staphylococcus aureus, Enterococcus faecalis; Gram Negativos: Escherichia coli e Salmonella typhimurium e o fungo Penicillium expansumi; por meio das metodologias de atividade antimicrobiana por contato, teste por agitação de frascos e Imagens Bacterianas por Microscopia Eletrônica de Varredura. Resultados: A adição de NPsAg na matriz do PEBD não interferiu nas propriedades físico-químicas e térmicas dos filmes. Pelas análises microbiológicas foi observado, pela atividade antimicrobiana por contato, que os filmes nanoestruturados foram eficazes na inibição de todos os microrganismos estudados, sendo que apresentaram uma maior ação antimicrobiana sobre as bactérias Gram negativas e fungos do que as bactérias Gram positivas. Pelo teste de agitação em frascos foi verificado que os filmes nanoestruturados auxiliaram na redução da taxa de crescimento e na concentração máxima na fase estacionária com aumento da duração da fase lag, verificando-se que quanto maior a adição de NPsAg nos filmes, mais eficaz a inibição (p≤0,05). Na Microscopia Eletrônica de Varredura foi observado que as bactérias em contato com NPsAg apresentaram alteração na estrutura da parede microbiana. Conclusão: Os filmes nanoestruturados apresentaram ação antimicrobiana promissora com os microrganismos estudados, portanto, filmes com nanopartículas de prata possuem potencial de uso em embalagens alimentícias, auxiliando na redução de casos de doenças transmitidas por alimentos além de contribuir na redução do desperdício de alimentos.</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="650" ind1="0" ind2="4">
    <subfield code="a">Nanotecnologia</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="650" ind1="0" ind2="4">
    <subfield code="a">Nanopartículas de prata</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="650" ind1="0" ind2="4">
    <subfield code="a">Antimicrobianas</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="650" ind1="0" ind2="4">
    <subfield code="a">Embalagens ativas</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="700" ind1="1" ind2=" ">
    <subfield code="a">Ferreira, Marcos David</subfield>
    <subfield code="e">(Orient.)</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="700" ind1="1" ind2=" ">
    <subfield code="a">Sivieri, Kátia</subfield>
    <subfield code="e">(Co-orient.)</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="710" ind1="2" ind2=" ">
    <subfield code="a">Universidade Estadual Paulista &quot;Julio Mesquita Filho&quot;</subfield>
    <subfield code="b">Faculdade de Ciências Farmacêuticas</subfield>
    <subfield code="b">Programa de Pós Graduação em Alimentos e Nutrição</subfield>
  </datafield>
  <datafield tag="856" ind1="4" ind2="0">
    <subfield code="u">https://repositorio.unesp.br/handle/11449/155002</subfield>
    <subfield code="y">Texto incompleto</subfield>
  </datafield>
</record>

Exportar registro

000 03465nam a2200192 a 4500
001 000320
003 MSP
005 20190527185740.0
008 190525s2018    bl a          000 0 por d
040 __ |a BR MSP
041 0_ |a por
082 04 |a 620.5 |2 23
100 1_ |a Brito, Sabrina da Costa
245 10 |a Atividade antimicrobiana em filmes poliméricos com diferentes concentrações de nanopartículas de prata / |c Sabrina da Costa Brito
260 __ |a Araraquara, SP , |c 2018
300 __ |a 94 f. : |b il.
500 __ |a Orientador: Ferreira, Marcos David
500 __ |a Co-orientadora: Sivieri, Kátia
502 __ |a Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual Paulista "Julio Mesquita Filho", Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Araraquara, 2018
520 3_ |a Este estudo visou verificar a eficácia antimicrobiana de filmes de polietileno de baixa densidade (PEBD) aditivados com nanopartículas de prata (NPsAg) dispersas no carregador de sílica (SiO2), em diferentes concentrações de partes por milhão (ppm) por filme polimérico. Metodologia: Na pesquisa foram estudadas seis concentrações diferentes de NPsAg (ppm) (1,50; 3,75; 7,50; 15,00; 30,00; 60,00 e 75,00) nos filmes nanoestruturados, sendo estes caracterizados por: Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), Calorimetria Diferencial de Varredura (DSC), Termogravimetria (TGA), Espectroscopia no Infravermelho com Transformada de Foutier (FTIR) e por Difração de Raio X (DRX). A ação antimicrobiana foi pesquisada contra os seguintes microrganismos, Gram Positivos: Staphylococcus aureus, Enterococcus faecalis; Gram Negativos: Escherichia coli e Salmonella typhimurium e o fungo Penicillium expansumi; por meio das metodologias de atividade antimicrobiana por contato, teste por agitação de frascos e Imagens Bacterianas por Microscopia Eletrônica de Varredura. Resultados: A adição de NPsAg na matriz do PEBD não interferiu nas propriedades físico-químicas e térmicas dos filmes. Pelas análises microbiológicas foi observado, pela atividade antimicrobiana por contato, que os filmes nanoestruturados foram eficazes na inibição de todos os microrganismos estudados, sendo que apresentaram uma maior ação antimicrobiana sobre as bactérias Gram negativas e fungos do que as bactérias Gram positivas. Pelo teste de agitação em frascos foi verificado que os filmes nanoestruturados auxiliaram na redução da taxa de crescimento e na concentração máxima na fase estacionária com aumento da duração da fase lag, verificando-se que quanto maior a adição de NPsAg nos filmes, mais eficaz a inibição (p≤0,05). Na Microscopia Eletrônica de Varredura foi observado que as bactérias em contato com NPsAg apresentaram alteração na estrutura da parede microbiana. Conclusão: Os filmes nanoestruturados apresentaram ação antimicrobiana promissora com os microrganismos estudados, portanto, filmes com nanopartículas de prata possuem potencial de uso em embalagens alimentícias, auxiliando na redução de casos de doenças transmitidas por alimentos além de contribuir na redução do desperdício de alimentos.
650 04 |a Nanotecnologia
650 04 |a Nanopartículas de prata
650 04 |a Antimicrobianas
650 04 |a Embalagens ativas
700 1_ |a Ferreira, Marcos David |e (Orient.)
700 1_ |a Sivieri, Kátia |e (Co-orient.)
710 2_ |a Universidade Estadual Paulista "Julio Mesquita Filho" |b Faculdade de Ciências Farmacêuticas |b Programa de Pós Graduação em Alimentos e Nutrição
856 40 |u https://repositorio.unesp.br/handle/11449/155002+|y Texto incompleto

Informações gerais

  • Segundo o Líder, este é um registro novo (não um alterado ou revisado, expandido, excluído, etc.).
  • Segundo o Líder, este registro descreve um material textual.
  • Segundo o Líder, este registro descreve um item monográfico (não parte de um item, não um item seriado, não uma coleção, etc.).
  • Segundo o Líder, este registro tem um nível completo de catalogação (a descrição foi realizada com o material em mãos).
  • Segundo o Líder, este registro possui uma catalogação compatível com as regras do AACR 2.
  • Internamente, este registro é identificado pelo código "000320"; para sistemas externos, o código é "(MSP)000320".
  • O registro foi criado em: segunda-feira, 27 de maio de 2019. Sua última transação foi em: segunda-feira, 27 de maio de 2019.
  • O item possui a seguinte origem: Brasil.
  • Majoritariamente, o item se expressa no seguinte idioma: português.
  • O ponto de acesso principal foi dado a uma pessoa e a entrada se deu pelo seu sobrenome.
  • O título recebeu um ponto de acesso secundário.
  • O título será alfabetado como "Atividade antimicrobiana em filmes poliméricos com diferentes concentrações de nanopartículas de prata".
  • Um ponto de acesso secundário foi dado a uma pessoa e a entrada se deu pelo seu sobrenome.
  • Um ponto de acesso secundário foi dado a uma entidade coletiva e a entrada se deu por um nome em ordem direta.

Comentário do professor

  • Campo 041: utilize esse campo somente se houver mais de um idioma relacionado ao recurso, por exemplo, o idioma original e o idioma da tradução. Nos casos em que o documento não é uma tradução ou possui apenas um idioma, apenas o preenchimento do idioma no campo 008 já é suficiente.